Resenha #51 - Amnésia, Jennifer Rush


Olá, galera! A resenha da vez é sobre esse livro maravilhoso que eu esperei um bom tempo até que eu finalmente pudesse ler. Ele também foi uma das leituras super legais que tive nas férias e que prometi resenhar aqui para vocês assim que fosse possível. 

Quando você não pode confiar em suas lembranças, em quem acreditar? A vida de Anna está cercada de segredos. Seu pai trabalha para a Agência e lidera um projeto confidencial: monitorar e coordenar o tratamento de quatro rapazes alterados geneticamente, que vivem no laboratório localizado no porão de sua casa. Nick é formal e taciturno, Cas é alegre e brincalhão, Trev é inteligente e carinhoso, e Sam é o dono do coração de Anna. Por algum motivo, eles perderam a memória e não se lembram de fatos fundamentais que viveram. Quando a Agência decide que é hora de levá-los, Sam organiza uma fuga, e o pai de Anna a instiga a ir com eles. Diante desse estranho acontecimento, e do pedido dele ao jovem para que mantenha a filha longe da organização a qualquer custo, ela começa a questionar tudo o que achava saber sobre si e logo descobre que ela e Sam estão conectados de uma maneira que jamais poderiam imaginar. E, se ambos quiserem sobreviver, deverão juntar as peças que reconstituem seu passado antes que a Agência roube deles o que ainda resta de suas vidas.
Há anos Anna se esgueira no meio da noite até o laboratório de seu pai, Arthur, já que sua entrada ali não era permitida até algum tempo atrás e esse era o momento em que ela podia visitar os quatro garotos que viviam presos ali dentro. Sam, Trav, Cass e Nick são experimentos da Agência, organização para a qual o pai de Anna trabalha, e, portanto, são mantidos em celas separadas dentro do laboratório e submetidos a determinados testes e medicamentos para que o resultado esperado pela Agência seja alcançado. 
Nenhum deles se lembra dos anos anteriores ao tempo no laboratório e cada um dos meninos possui uma personalidade diferente. Sam é o cara que fisgou o coração de Anna, inteligente e observador. (Para ser honesta, todos eles são espertos e inteligentes, mas em Sam isso se sobressai por determinados  motivos). Trav é o melhor amigo da heroína, aquele em quem ela confia e o único que sabe dos sentimentos dela por Sam. Cass é o divertido, que melhora qualquer situação. Já Nick é um cara mais durão, do tipo tudo ou nada, e o mais revoltado entre os quatro, ao menos externamente, sobre a situação em que eles se encontram.
Quando dois dos agentes que trabalham para a tal organização fazem uma visita e resolvem que é hora de levar os garotos embora, os quatro reagem e conseguem fugir do local, juntamente com Anna, após seu pai ter lhe pedido para acompanhar os rapazes e se manter longe da Agência. É aí que começa a fuga dos cinco na tentativa de se manterem vivos, fora das garras da organização e descobrirem o que aconteceu em seus passados. Eles se dirigem a uma casa na Pensilvânia indicada por Arthur e lá descobrem algumas coisas que podem ajudá-los a montar esse incrível quebra-cabeças. Aos poucos Anna descobre algumas verdades sobre a sua própria vida e sobre a conexão existente entre ela e Sam, da qual os dois não conseguiam se lembrar. Aparentemente, Sam roubou algo da Agência alguns anos atrás e isso pode ser a chave para que eles possam finalmente se ver livres da organização. 
Não houve a menor chance de eu não mergulhar de cabeça na história desses jovens que tiveram a vida moldada com base nos interesses mesquinhos e egoístas de pessoas que pensam ter o direito de manipular a vida de quem bem entendem a seu bel prazer e benefício. Os quatro rapazes me conquistaram, cada um com suas peculiaridades. Houve momentos de tensão, em que eu fiquei praticamente estática esperando o desenrolar dos acontecimentos, momentos fofos entre Sam e Anna, outros divertidos que me arrancaram risadas ou, no mínimo, sorrisos verdadeiros. Amnésia foi uma leitura super gostosa, e espero logo poder ler a continuação da série, Erased, ainda não lançado no Brasil.
Até mais, gente!

Comentários

Postagens mais visitadas