Resenha #73 - Felizes Para Sempre, Nora Roberts


Finalmente chegamos ao último livro da série Quarteto de Noivas! Vocês podem ler as resenhas dos três primeiros livros clicando nos links - Álbum de CasamentoMar de Rosas e Bem-Casados. Eu estava ansiosa por esse volume, por já ter tido um gostinho do romance entre Parks e Mal nos livros anteriores, além de que estava curiosa para ver o funcionamento dessa relação entre uma mulher que precisa de tudo organizado e um homem que se encaixa um pouco nas especificações de um bad boy.

Em Felizes para sempre, último livro da série Quarteto de Noivas, você vai descobrir que o amor não avisa que está a caminho e, quando chega, vira seu mundo de cabeça para baixo.
Parker Brown sabe que subir ao altar é um dos momentos mais extraordinários na vida de um casal. Por isso ela administra a Votos, a bem-sucedida empresa de organização de casamentos que fundou com suas três melhores amigas, com pulso firme e muita dedicação.
Seu dia de trabalho começa cedo, às vezes de madrugada, quando alguma noiva ansiosa lhe telefona aos prantos. Mas ela não se importa. Cada vez que ajuda uma mulher a escolher o vestido perfeito para o grande dia ou vê o sorriso nervoso e feliz de um noivo no altar, ela sente que está dando sua contribuição para uma história igual à de seus pais.
Porém a rica, linda e inteligente Parker também quer ser feliz no amor. Só que, em vez do intelectual sensível que sempre esteve em seus planos, parece que o destino lhe reservou uma surpresa.
Malcolm Kavanaugh é um mecânico de automóveis e ex-dublê de filmes de ação. Amigo do irmão de Parker, ele não tem vergonha de elogiar as belas pernas da moça e, com suas mãos ásperas, faz com que a empresária certinha e controladora simplesmente perca o chão.
Agora eles vão descobrir que, mesmo com suas diferenças, podem completar um ao outro. E quem disse que o príncipe encantado não pode chegar numa Harley-Davidson?

Como esse já é o quarto livro da série, temos uma noção bastante boa de como é Parker Brown e de como ela funciona. Organizada até o último fio de cabelo, nunca pensou que o homem que faria seu coração saltar fosse alguém como Malcolm Kavanaugh, nada parecido com um intelectual sensível. Mas essa é a realidade e ela precisa lidar com ela. 

A primeira solução que  Parks encontra é extinguir essa pequena chama que está ganhando vida dentro dela. Assim, ela poderá se concentrar no que realmente importa, a Votos e os planos de casamento de suas três melhores amigas. Mas nossa protagonista não pode extinguir algo que está sempre presente, como é o caso de Mal. Ele está interessado na irmã de seu amigo, Del, e vai lutar pelo que quer.

Malcolm parece compreender Parker de um jeito que nem suas melhores amigas conseguem, e isso a desestabiliza. Ela sempre manteve controle sobre os relacionamentos que tinha, sempre sabia o que esperar, mas com Mal ela nunca sabe. E é claro que essa não é uma  situação que a deixa confortável. Outro ponto bastante importante nessa história é o fato de Malcolm não conseguir se abrir completamente, não estar disposto a contar seu passado, quando isso é justamente o que Parks precisa. Ela precisa conhecê-lo para poder compreendê-lo e se sentir bem com relação à ele e àquela nova situação a que eles estão se submetendo.

Eu gostei muito da história e do modo como foi contada, mas algo que me incomodou durante a série toda foram alguns momentos um pouco machistas. Sei que essa não era a intenção da autora, até porque Parker e suas amigas são mulheres independentes, talentosas e que sabem o que querem, mas foi como me senti em algumas passagens.

Tirando isso, as quatro histórias são muito lindas e bem fofas, são romances não tão leves assim e que nos encaminham a discutir e pensar sobre outros assuntos bastante importantes, como relações complicadas com os pais e as consequências disso, a importância dos amigos, maus-tratos durante a infância e as sequelas que esse sofrimento gera, além de alguns outros.

Alguém já leu algum livro de Quarteto de Noivas? Me contem o que acharam!

Beijos

Comentários

Postagens mais visitadas